Como saber se uma clínica cirúrgica é de confiança?

Não importa qual seja o procedimento ao qual você se submeterá, a escolha da clínica cirúrgica é sempre uma tarefa difícil, que deixa as pessoas inseguras. O medo de errar em um momento tão importante é natural.

Diante de tantas opções, como saber se a clínica cirúrgica que você escolherá é de confiança? Existem alguns caminhos que podem facilitar essa decisão, por isso, nesse post, vamos dar 5 dicas essenciais que ajudarão você fazer a escolha certa! Acompanhe!

1. Procure por indicações

Escutar a opinião de quem já se submeteu a algum procedimento na clínica a ser escolhida é o passo número um. Converse com conhecidos que já tenham passado pela mesma experiência que você pretende passar na clínica cirúrgica a ser escolhida e pergunte tudo que queira saber.

2. Analise o currículo do médico

Apesar de todos os médicos serem profissionais credenciados pelo Conselho Regional de Medicina para exercer a atividade a que estão se propondo, analisar o currículo deles é um bom jeito de aumentar a segurança e a confiabilidade.

No currículo é possível saber onde o médico se formou, quais são as suas especializações, se ele publicou artigos científicos ou participou de pesquisas e experiências. Você pode consultar o currículo médico no site do CRM (Conselho Regional de Medicina), site da especialidade médica ou na plataforma Lattes.

3. Visite a clínica cirúrgica e observe a infraestrutura

Um olhar vale mais que mil palavras, já dizia o ditado. Visite a clínica que possivelmente fará a cirurgia antes. Veja se a infraestrutura corresponde à expectativa e qual é o estado de conservação dos aparelhos.

Outro aspecto importante é quanto à higiene e segurança. Certifique-se de que a clínica segue todas as recomendações padrões de segurança e mantém uma limpeza constante. Muitas vezes uma breve visita para conversar com o médico já é suficiente para tirar essas conclusões.

4. Converse com o médico

Conversar com o médico antes de escolher a clínica é uma boa saída para diminuir o risco de tomar a decisão errada. Com certeza você conseguirá notar a empatia do médico e perceber qual profissional tem mais sintonia com você.

Esse fator pode ajudar muito na hora da sua escolha. É muito importante médico e paciente estarem ligados, por isso, converse, exponha seus medos e dúvidas e faça o seu procedimento com o médico que mais lhe agradou, passou confiança e correspondeu às suas expectativas.

5. Verifique a disponibilidade

Após verificar todos os fatores anteriores e selecionar algumas clínicas que passaram confiança, é hora de seguir para o próximo passo: a disponibilidade. As melhores clínicas são também as mais concorridas, e, às vezes, conseguir agendar a cirurgia pode não ser fácil.

Para não haver decepção, anote todas as datas possíveis para você, e sempre que for pesquisar sobre alguma clínica cirúrgica já pergunte qual é a disponibilidade de dias e horários e verifique com os seus.

Por fim, após ler todas as dicas, siga o seu coração. Muitas vezes, ao pesquisarmos uma clínica cirúrgica de confiança, gostamos de alguma que não está no topo da lista de recomendações e não é a mais famosa e ficamos com medo que algo saia errado.

Nesse caso, escute os seus sentidos. Se você seguiu todos os passos anteriores, pesquisou sobre a clínica cirúrgica, visitou, prestou atenção na infraestrutura e simpatizou com o médico com certeza essa é a escolha certa e segura.

Gostou das nossas dicas? para obter mais informações assine nosso newsletter e fique por dentro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.