Por que as varizes aparecem?

Além do prejuízo estético, as varizes geralmente estão associadas a outros sintomas e complicações.
Mas, afinal, o que são as varizes? Nada mais são do que dilatações de veias, podendo aparecer em qualquer parte do corpo, principalmente nas pernas. Diversas são as causas de varizes, que vão desde os hábitos de vida até o estilo de trabalho, assim como predisposição genética. Saiba mais sobre como evitar e tratar as varizes.

Por que as veias dilatam?

O coração tem como função bombear o sangue para o corpo, inclusive para os locais mais distantes como os pés, porém, a circulação sanguínea das pernas deve retornar ao coração. São muitos os mecanismos que auxiliam nesse retorno, dentre eles estão a compressão dos vasos das pernas pelos músculos, o ato de pisar e as válvulas presentes dentro das veias, que fazem com que o sangue que está subindo pela perna não volte para baixo. Quando essas válvulas perdem a capacidade de evitar esse refluxo de sangue, a parede dos vasos ficam mais frágeis e começam a dilatar.

As diversas causas das varizes

Um fator de risco reconhecido para o desenvolvimento das varizes é a história genética, principalmente se os pais ou irmãos possuem a doença. A falta de exercício também é um fator muito importante para predispor o aparecimento de varizes, pois o sedentarismo pode levar à fraqueza muscular. O exercício também melhora a performance cardiovascular, o que ajuda o retorno do sangue ao coração.
O tipo de trabalho pode estar muito ligado ao desenvolvimento da doença. Pessoas que passam muitas horas por dia sentadas, assim como aqueles que passam muito tempo em pé na mesma posição estão sob um maior risco de ter varizes.
Além disso, a obesidade aumenta o risco de desenvolver ou agravar as varizes. Sendo assim, a perda de peso implica em melhora da circulação sanguínea. As mulheres possuem maiores chances de desenvolver varizes, graças aos hormônios como estrógeno e progesterona. Contudo, vale dizer que os homens também podem ser afetados pela doença.

Quais são as complicações das varizes?

Os estágios mais avançados da doença varicosa podem levar a um danos irreversíveis na pele. Isso é causado pela redução de oxigênio e nutrientes em determinada região da perna, tornando-a vulnerável a ulcerar. Úceras venosas podem durar anos, são difíceis de cicatrizar e, mesmo que cicatrizem, tendem a voltar. O escurecimento da pele também pode ocorrer devido ao extravasamento de glóbulos vermelhos que deixam um pigmento acastanhado na pele (dermatite ocre).

Fuja das varizes!

Para todas as pessoas, incluindo aquelas que já possuem varizes, o exercício físico é fundamental, especialmente o aeróbico, que melhora diretamente a circulação e fortalece a musculatura das pernas. Para aqueles que ficam muito tempo sentados, fazer uma pausa para um alongamento e uma pequena caminhada em volta da mesa de hora em hora podem  evitar o aparecimento das varizes.
A meia compressiva elástica, desde que prescrita por médico qualificado, é uma arma muito útil na prevenção e no tratamento de varizes, especialmente para pessoas que passam muito tempo em aviões ou para quem fica em pé na mesma posição.

Os melhores tratamentos

Por ser uma doença de fundo hereditário e ligada a predisposição genética, as varizes não têm cura definitiva. Existem várias opções de tratamento, de acordo com o grau do problema.
Vasos de menor calibre podem ser tratados com laser diretamente sobre a região afetada (laser transdérmico) e/ou pela injeção de soluções que irritam a veia (escleroterapia química).
Há várias táticas para o tratamento das veias varicosas de maior calibre: extração cirúrgica, injeção de medicações sob forma de espuma, introdução de cateteres que promovem cauterização do vaso (laser ou radiofrequencia) são algumas delas.
Outra grande inovação no tratamento é a possibilidade de levar o ultrassom para a sala de cirugia e usá-lo como guia para localizar as veias mais profundas. Veias maiores como as safenas podem ser “cauterizadas” após punção, em seu próprio leito, sem necessidade de extração.
Sabemos que, uma alimentação saudável com peso adequado e exercícios físicos regulares constituem prevenção para várias doenças, em geral, inclusive as varizes. Caso a doença já se apresente, deve-se buscar atendimento especializado com o angiologista/cirurgião vascular, treinado para resolver este tipo de problema.
Você possui ou conhece alguém que sofre de varizes? Divida sua experiência nos comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.